domingo, 25 de maio de 2014

População compareceu em massa à Estação Ferroviária para prestigiar 2º Festival de Teatro na última sexta-feira

Como um evento dos mais prestigiados já promovidos pela gestão municipal através da sua secretaria de Cultura e Turismo(Secult) o Festival de Teatro ocorrido na noite da última sexta-feira (23) provou mais uma vez o quanto a população admira o teatro amador da terra.  O que bem explica o grande número de pessoas que compareceu ao  2º Festac 2014 lotando o amplo espaço no entorno da antiga estação ferroviária. 
Tudo para   para puder  conferir de perto a ótima performance encenada pelos seis grupos teatrais formados pelos jovens talentos aurorense, além da participação especial da atriz fortalezense e contadora de estória Paulo Yemanjá que abrilhantou o evento sob o apoio do centro cultural Banco do Nordeste. Numa organização das mais primorosas já feitas pela equipe de trabalho que compõem a cast da secretaria de cultura e turismo do município( fotos acima).
Como afirmou o secretário da pasta José Cícero, foi um momento de grande celebração cultural onde a comunidade compareceu massivamente para prestigiar a atuação dos nossos atores e atrizes aurorenses. Além dos grupos representantes das escolas locais, também participaram  do Festac os grupos Improriso do Araçá e Arte em ação do distrito de Ingazeiras. Quem compareceu ao evento, assim como o próprio prefeito Adailton Macedo gostou do que viu e muito, diga-se de passagem, até se surpreenderam com o alto nível de atuação dos nossos artistas,disse o secretário.
Além do prefeito Adailton, a 1ª dama e secretária de educação Rose Macedo e o secretário de cultura e Turismo José Cícero, também estiveram prestigiando o evento os secretários de administração Socorro Macedo, de Finanças José Joaquim,  de Transportes Jussier Alves assim como o presidente da Câmara Francisco Henrique, acompanhado dos vereador Osascos Gonçalves e Iracilda Saraiva.
Acerca da escolha do local, o secretário de cultura, José Cícero, enfatizou que a escolha não foi a toa, visto que  no passado a chamada 'pedra da estação' foi a grande vitrine da cidade. Ou seja, era o espaço onde a população se reunia até duas vezes por dia para assistir o grande acontecimento social  que era a passagem do trem, em suas idas e vindas.(...) Desde os anos em que a linha de ferro findava em Aurora antes de se estender para Ingazeiras, Missão Velha, Juazeiro e Crato, explicou. 
À título de premiação a gestão municipal ofereceu aos participantes, além de um belíssimo troféu, um cachê de 500 reais e certificados de participação. 
..........................
Da Redação do Blog de Aurora e da Secult.
Fotos: Jean Charles, Júlio Roberto e Assessoria de Imprensa - Luiz Neto.
LEIA MAIS EM:
e no Orkut e  Facebook

Nenhum comentário:

Google+ Followers